Bibliotecas Escolares de Matosinhos

NOIVAS DE NINGUÉM.jpg    
TÍTULO/RESP.:

Noivas de ninguém / Henry de Montherlant; trad. de Adelino dos Santos Rodrigues

AUTOR(ES):

Montherlant, Henry de, 1896-1972Rodrigues, Adelino dos Santos, trad.

PUBLICAÇÃO:

Mem Martins: Europa - América, imp. 1974

DESC.FÍSICA:

184 p. ; 18 cm

COLECÇÃO:

Livros de bolso Europa-America; 98

NOTAS:

Inclinando-se um pouco para trás, ele viu, atrás das costas de Solange, a jovem que estava sentada ao lado dela; Recostando-se na cadeira, ela ouviu, a boca entreaberta e os olhos fechados. Ela não era bonita, mas Costals a queria: 1 ° porque achou apropriado que, no mesmo minuto em que acariciava um jovem pela primeira vez, ele quisesse outro; Segundo, porque, dando a aparência de sono, era impossível para ela não despertar nele o pensamento de abusar desse sono; 3) porque lhe parecia que, para experimentar tal êxtase de um fenómeno tão insípido como esta música, era preciso quebrá-lo; no entanto, gostava apenas de raparigas saudáveis e simples, como a solange, por isso era agradável para ele querer uma mulher maluca.

CDU:

82-3

DATA PUB.:

1974

Monografias  
COTASIGLACÓDIGO BARRASNÚMERO INVENTÀRIOOBS.ESTADO
82-3 MON NOIESPL|Escola Básica e Secundária do Padrão da Légua3007000082468246 Pedido Depósito